Segunda-feira 28/05/2018
Advocacia Dagoberto J.S.Lima - Newsletter
Inflação médica supera índice de reajuste dos planos

O índice de reajuste de 13,55% nos planos de saúde, definido para este ano, não absorve os gastos crescentes das operadoras. Segundo a Federação Nacional de Saúde Suplementar (FenaSaúde), as despesas para cobrir os serviços dos planos cresceram acima da inflação geral dos preços médicos neste ano. A entidade argumenta que as inovações tecnológicas em diversos setores econômicos estimulam o incremento da qualidade e da produtividade, além de reduzir custos. No caso do setor de saúde, entretanto, deve-se ponderar o fato de o custo médico estar acompanhado de muitas outras variáveis, relacionadas aos preços de insumos, a contínua incorporação de novos procedimentos e ao aumento da longevidade de população.

Leia mais +
Senado dos EUA contraria Trump e mantém o Obamacare

A tentativa do presidente norte-americano Donald Trump de acabar com o sistema de saúde criado por Barack Obama, o Obamacare, foi rejeitada pelo Senado dos Estados Unidos. O partido republicano, em total conflito, não conseguiu chegar a um consenso sobre a reforma, levando nove de seus senadores a se unirem à oposição democrata. A deserção teve impacto significativo na votação, totalizando apenas sete votos do partido, de um total de 55. No dia 25 de julho, o Senado havia aprovado, por uma margem estreita de votos, a abertura de discussões em torno de possíveis modificações da lei. Agora, o debate acabou.

Leia mais +
SUS terá investir R$ 10 bi por ano para garantir atendimento

Acaba de ser lançada uma pesquisa inédita, realizada pela Diamond Mountain, sobre a atual situação da saúde pública no Brasil. O estudo estima que serão necessários investimentos de R$ 10,1 bilhões por ano até 2027 para que o Sistema Único de Saúde (SUS) ofereça tratamento adequado à população. A situação é influenciada pelo grande numero de usuários da rede pública – em torno de 159,7 milhões – e por fatores conjunturais como o envelhecimento da população.  O valor estimado representa apenas os gastos com investimentos, desconsiderando custos de remédios, procedimentos e materiais médicos. 

Leia mais +
Aumento de beneficiários idosos eleva ações contra planos de saúde

Ações impetradas por idosos contra planos de saúde devem se intensificar nos próximos anos, em função da fusão de empresas empregadoras, de operadoras de saúde ou mudanças de carteira. Dados da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) revelam que os planos de saúde empresariais tem registrado um aumento expressivo de beneficiários acima de 49 anos. Em 2004, eram 2,207 milhões. Este ano, já somam 6,543 milhões. Os números também podem ser associados à redução na oferta de planos individuais. 

Leia mais +
Mercado de seguros constata queda no número de reclamações

Foi divulgada a sétima edição do relatório de atividades das ouvidorias do mercado de seguros. O documento comprova que, em 2016, as operadoras registraram um número de reclamações, referentes a questões de contratação, 17% menor em comparação a 2015. De acordo com o levantamento da Confederação Nacional das Empresas de Seguros (CNseg), reclamações sobre reembolso diminuíram 7% em relação ao período anterior. As negativas de autorização também foram citadas como um dos principais motivos de protesto por parte dos consumidores – 12% para planos médico-hospitalares e 19% para planos odontológicos.

Leia mais +
Copyright © Advocacia Dagoberto J. S. Limaunitri